domingo, 2 de setembro de 2012

SAUDADE


































Sou a saudade à bolina
Do porão do teu sentir
Que na onda pequenina
Te espera ver emergir

Sou a saudade à espera
De ver os dias passar
P'ra quando for Primavera
Eu te poder abraçar

Sou também a nostalgia
Que ás vezes dentro do peito
Me faz sentir a agonia
De uma saudade sem jeito

Sou tantas vezes saudade
De ti e de te não ver
Esqueço que na mocidade
Saudade me fez sofrer

Sou saudade dolorida
Que na minha alma cansada
Me deixa assim tão perdida
À espera da tua alvorada

Sou a saudade um adeus
Que num dia de Verão
Deixou preso nos olhos teus
O meu louco coração

Saudade de te amar
De te ver p'ra concluir
Que só a posso matar
Quando nela atravessar
A espada do teu sentir.


40 comentários:

✿ chica disse...

Linda poesia, cheia de amor!beijos,chica

Rogério Pereira disse...

Uma saudade assim
Tão dolorosa
Nem parece saudade
De quem se diz ser rosa

Mona Lisa disse...

Belíssimo poema!

Senti-o meu!

Saudade, palavra triste...

Beijos.

MA FERREIRA disse...

Oi Rosa.tudo bem? Obrigada pelo seu carinho de sempre!!
O seu poema me passou uma sensação de cor... de jeito que a dor da saudade!! Parabéns por escrever assim,,,,

bjs

Andradarte disse...

As saudades que nos matam...
Beijo

Graça Pereira disse...

Eu assino e subscrevo estas quadras que sangram como a minha saudade.
Beijo amigo
Graça

Braulio Pereira disse...

ai SAUDADE

que palavra mais linda

damos vida há Saudade

obrigado pelo carinho

feliz semana

beijos.

Nilson Barcelli disse...

Mais um magnífico poema de amor.
Gostei imenso, muito ao teu estilo.
Rosa, querida amiga, tem uma boa semana.
Beijo.

Kim disse...

E quando a saudade e a nostalgia se cruzam, apetece-me dizer-te que é também essa a espada do meu sentir.
Como as nossas vidas seguem lado a lado!!!
Beijinho minha querida amiga

Zilani Célia disse...

OI ROSA BRANCA!
SAUDADE, UM SENTIMENTO QUE ENTRISTECE A ALMA, MAS, AO MESMO TEMPO GERA COISAS TÃO BONITAS ASSIM...
ABRÇS,
zilanicelia.blogspot.com.br/
Click AQUI

Cigana Raicha disse...

Amiga que poesia linda chego,viajar na batatinha kkkkkk parabéns.
Estou passando para agradecer tua visita, e também para te desejar uma semana abençoada, com muita alegria, amor e tudo de bom !!
Bjs, e fique com Deus !!
Optchá!
Cigana Raicha
http://ciganaluminosa.blogspot.com.br/

http://www.facebook.com/elainedossantos.santos.52

A.S. disse...

A saudade fere como uma lâmina... mas nunca matará as tuas rimas!...

Beijos,
AL

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga

A saudade
nos habita,
trazendo para nós,
quem há muito
se perdeu de nós...


Que haja sempre em ti,
o olhar da alegria.

Manuel disse...

Quando chego a este Blogue fico, sempre, encantado com belas rosas que me recebem.
Leio o seu poema e a magia ofusca a beleza das flores que me acolhem.
Um beijo

Sonhadora (RosaMaria) disse...

Minha querida

E como a saudade doi e rasga o peito.
sempre lindo ler-te.

Um beijinho com carinho
Sonhadora

© Piedade Araújo Sol disse...

saudade é sempre sofrida, acho.

a imagem perfeita.

a música também.

um beij

Sonhos e Carinhos disse...

Ow meu anjo que coisa linda seu poema.."Saudade" saudade maltrata, dói né? afff mas tem muito sentimento em suas palavras.. parabéns.. linda musica tb...
beijinhos em seu coração..

彡✿✿⊱╮彡✿✿⊱╮彡✿✿⊱╮A verdadeira pessoa é aquela que fica marcada pela sua presença, não por ser uma pessoa diferente, mas sim aquela que faça a diferença. 彡✿✿⊱╮彡✿✿⊱╮彡✿✿⊱╮

Lucinha
http://sonhosecarinhosdetimel3.zip.net

Daniel Costa disse...

Rosa Branca

Saudades quem as não tem? Se elas sempre pressagiam o amor!
O que foi fio condutor, deu ode a esse mesmo amor.
Beijos

Maria Rodrigues disse...

A saudade dilacera o nosso coração. Maravilhoso!!!
Beijinhos
Maria

Felisberto Junior disse...

Olá!Bom dia!
Tudo bem?
Lindos versos!
ah...sim, saudades de quem me proporcionou alguma felicidade na vida... nada de melancolia!
Obrigado
Boa quinta feira!Paz e luz

Beijos

Rita disse...

Saudade de te amar
De te ver p'ra concluir
Que só a posso matar
Quando nela atravessar
A espada do teu sentir.


Já valei esse verso
Abraços com carinho
Rita!!!!

Lídia Borges disse...


Destaco esta estrofe, nestes versos, ao jeito popular, onde nãp falta rima e ritmo:

"Saudade de te amar
De te ver p'ra concluir
Que só a posso matar
Quando nela atravessar
A espada do teu sentir."

Um beijo

**♥✿Franciete-✿♥** disse...

Minha querida e doce amiga, muito bom dia, ontem à noite ainda estive aqui a enviar o meu comentário, mas como andei para aqui armada em nabiça a fazer um blogue novo para o meu filho nem reparei que a conta estava em nome dele.
Por acaso eu até te dizia umas palavras muito a propósito mas como não ficaram não faz mal, logo irão para a próxima, até lhe sugeria que tivesse-mos uma outra maneira de nos comunicarmos eu dizia que me queixava da vida, mas meu amor nem vale a pena olhar para traz.
Faz-me lembrar a vida do cavador que cava desde manhã ao sol pôr, se ao menos eu te pudesse dar um pouco de mim: acredita que serias muito, mas muito feliz , apesar dos pesares.
Beijinhos à tua linda princesa porque é nela que vais tendo uma grande parte do que a vida te tem roubado, amo-te muito minha querida, e o Meco é ali tão pertinho"muitas vezes saí de casa com uma louca vontade de lá deixar a vida" beijinhos de luz e muita paz nos teus dias.

ONG ALERTA disse...

A saudade é algo inexplicável....beijo Lisette.

SOL da Esteva disse...

Saudade sofrida, desejada, ansiada, recordada a construir um belo poema de Amor.


Beijos


SOL

Magia da Inês disse...

彡♡` Olá, amiga!

A saudade é sempre malvada!!!

Lindo dia!
Bom fim de semana!
Beijinhos.
Brasil ♡彡.
¸.•°`♥✿⊱╮

Janaina Cruz disse...

A saudade sorrateiramente presente nos instante em que o ser amado se faz ausente, trazendo aquela dorzinha latente, um vazio indizível...

Evanir disse...

Uma das grandes bênções da vida
é a experiência que os anos vividos nos concebem.
Aniversariar é uma amostra das oportunidades que temos de aprender a contar os nossos dias.
mais uma janela e abre diante dos meus olhos,
mais um espinho foi retirado da flor,
restando somente a beleza de tão bela data.
Com fé, na esperança e no empenho por ser melhor a cada dia.
Seguindo pelos caminhos da verdade e do amor.
Um dia encontrarei o mais belo jardim, o jardim que representará a realização
dos meus maiores sonhos.
Com saudades .
desejo um feliz final de semana
venha curtir meu aniversário.
Beijos na sua Alma,Evanir.
Amiga sabes que adoro seus poemas posso postar no meu blog?

Mary disse...

Oi!

que linda poesia<
Tantas saudades,
que me deu saudades.

bjos e um ótimo fim de semana.

**♥✿Franciete-✿♥** disse...

BOM DIA MEU AMOR, sabes que eu todos os dias escrevo sempre um miminho para a minha filhota, quando ela está na Holanda no escritório dela.
E que é mais ó menos assim...
A esperança é o pilar que mantém o mundo de pé.
A esperança é uma semente microscópica da qual grandes coisas podem nascer... coragem e bondade, paciência, tolerância e amor.
Tudo o que no mundo se faz é feito com esperança.
Força minha querida acredita com fé, porque ela um dia ade chegar às tuas mãos...beijinhos de luz e muita paz e também a tua força interior com que sempre tens lutado.
De quem te ama muito.

. intemporal . disse...

.

.

. a saudade . essa palavra tão nossa . que faz nascer tanta poesia .

.

. grato pela visita .

.

. um beijo meu .

.

.

edumanes disse...

Ao sair do porão
Te encontrei ao emergir
Dando sossego ao teu coração
Nunca o pretendendo ferir

Saudades às bolinhas
Encontros realizados
Nas velhas dentinhas
De tempos passados!

Pela sua visita.
Obrigado amiga Rosa Branca
também gosto da vermelha
Da saudade a lembrança
Este seu amigo muitas felicidade lhe deseja.
Um beijo
Eduardo.



Eduardo.

Braulio Pereira disse...

querida amiga Rosa

vou cantar há Saudade

um himno á Liberdade


optima semana

beijos.

LUZ disse...

Olá Rosa Branca,

A saudade é uma palavra, que só existe na Língua Portuguesa e por isso damos-lhe uma conotação e uma importância, que não conseguimos explicar.
Os seus versos abordam-na muito bem, nas suas diversas facetas.

Parabéns e obrigada pela sensual e terna imagem, com que nos brindou, tal como a música, que de crazy tem pouco ou nada, mas o amor é louco.

Beijos da Luz.

Luzes e Luares

Nyce Pinto. disse...

Olá amiga, venho agradecer tua visita e comentário carinhoso, muito obrigada! Teu Blog é belíssimoooooo, vou seguir para com mais tempo ler em refletir com tua lindas poesias! Ah!!! Saudade! Quem não tem? De alguém ou de algum momento vivido... Adorei! um abraço e muita luz!

MARIA DA FONTE disse...

Lindo poema...cheio de saudade. Gostei muito. beijinhos

Nilson Barcelli disse...

Vim à procura de mais, mas reli com prazer este teu magnífico poema.
Rosa, querida amiga, tem uma boa semana.
Beijo.

manuela barroso disse...

Poesia, amor, saudade de mãos dadas.
Como sempre a tua poesia é um bailado.
Lindo!
Beijinho

Luís Coelho disse...

Que saudade tão gostosa,
Viva e Cheia de esperança
Quem me dera ser saudade
De outra ainda mais formosa

silvioafonso disse...

.


Eu queria tanto você no
meu blog, comentando, en-
cantando a minha página
com a sua presença...

Um beijo,

silvioafonso





.