domingo, 27 de fevereiro de 2011

MORRE EM MIM




Morre em mim a nostalgia
A saudade e a amargura
A tristeza e a alegria
O dia e a noite escura

Morre também o sentir
Em passos de solidão
Os sonhos por descobrir
Perecem em meu coração

As palavras que não digo
Na garganta vão morrendo
E o que sonho contigo
Na alma se desfazendo

Morre também a verdade
O meu sol a minha luz
Desejo de liberdade
E o pouco que me seduz

Morre em mim o ardor
Eu sei que na verdade
Eu vou morrer de amor
De tristeza e de saudade.

26 comentários:

PRECIOSA disse...

Na vida muitas vezes nos perdemos no labirinto
Os desejos morrem aos pouco...
Mas se nos permitir os pensamentos
Jogamos fora as tristezas
Vamos guardar as alegria
Renovando nossas vidas

Abraços caloroso
Preciosa Maria

Wanderley Elian Lima disse...

Só não podes deixar morrer a esperança, pois assim ela lhe fará acreditar novamente na vida.
Bjux

Andradarte disse...

As palavras que não digo
Na garganta vão morrendo
...tudo cá para fora...coragem....
Beijo

Nilson Barcelli disse...

Por cada coisa que morre dentro de nós, há espaço para nascer outras mais bonitas.
Belo poema, gostei muito.
Querida amiga, boa semana.
Beijos.

Mona Lisa disse...

Olá

Um GRITO de dor...

Um poema BELO e sofrido!

Bjs.

Fernando Santos (Chana) disse...

Belo poema...Espectacular....
Cumprimentos

Mara disse...

Lindo, triste e verdadeiro...

Morre em mim o ardor
Eu sei que na verdade
Eu vou morrer de amor
De tristeza e de saudade.

Beijo e o desejo de uma excelente semana.
Com carinho,
Mara

Jorge Pimenta disse...

há tanto que morre, todos em dias, em nós... mas, há coisas que têm de morrer para outras se poder viver, verdade?
beijinho!

tossan® disse...

Hoje é a poesia que me importa. Essa é lindíssima! Beijo

Sonhadora disse...

Minha querida

Como os teus poemas falam sempre de mim, adoro ler-te e tu sabes, encontro-me.

Deixo um beijinho com carinho
Sonhadora

Machado de Carlos disse...

Um belo poema! Adoro ler-te! Como todas as coisas tudo morre (ou se transforma) aos poucos. Nestes momentos que aos pouco fenecem, podemos vivificar apenas uma fatia de felicidade. Apenas uma migalha que nos faça bem.
Acho uma delícia ler-te; - Vivo em tuas palavras.
Beijos!...

Mgomes - Santa Cruz disse...

Doce Roseira Branca: lindo poema só com um pouco de nostalgia, mas antes quro morrer de amores de que morrer de dores.
Beijos
Santa Cruz

A.S. disse...

Quando a linha do horizonte cai na escuridão da noite, tudo parece triste, tudo parece morrer... porém tudo renasce ao amanhecer!!!

Beijos meus,
AL

C@urosa disse...

"A Amizade não requer gratidão,
presentes, cobranças, etc.
A Amizade requer apenas que nos
lembremos sempre de dizer um
“oi, Como você está?!!!
Você não imagina o quanto a sua
amizade é importante para mim....
Obrigado por você existir !!!
Não importa se você é real ou virtual,
o importante é que você existe
para me dar o prazer da sua amizade.
Amizade como a sua
é privilégio de poucos."

forte abraço

C@urosa

Evanir disse...

Estou aqui encantada com seus poemas ..
cheguei até você atravez do poeta Carlos um amigo maravilhoso .
Seus poemas são bélissimos ñ sou poeta apenas posto texto e poemos geralmente só de amigos e amigas.
Ficarei muito feliz em ver-te no meu blod ja esta convidado.
Um abraço carinhso,,Evanir.
http://aviagem1.blogspot.com/

Maria G. disse...

Bonito!... Das horas incertas de nós.

M.G.

carlos pereira disse...

Cara amiga, poetisa do amor;
Belas quadras num poema maravilhoso, onde o amor está sempre presente.
Gostei muito.
Um beijo.

Amor feito Poesia disse...

Nunca deixe que lhe digam que não vale a pena
acreditar nos sonhos que se têem
ou que os seus planos nunca vão dar certo
ou que você nunca vais ser alguém...

Renato Russo

Agradeço o carinho de sua amizade.
Beijos & Flores no seu FDS! M@ria

Ana Martins disse...

Boa noite Rosa-Branca,
vim agradecer a visita e conhecer o seu blog. Bonito poema, a cantar a tristeza da alma do poeta!

Beijinho e bom fim de semana,
Ana Martins

Ana Martins disse...

Afinal já conhecia o blog, estou ali nos seguidores, não ligue, é um dos meus defeitos a distracção.

+ 1 beijinho,
Ana Martins

Nilson Barcelli disse...

Vim à procura de novo poema.
Mas não há...
Serão os efeitos do Carnaval?
Querida amiga, desejo-te um bom resto de Domingo e boa semana.
Beijos.

ErikaH Azzevedo disse...

.Que a morte te ensine novamente o como renascer..

Um bjo

Erikah

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga

Melhor morrer assim,
do que morrer sem amor,
sem tristeza
ou sem saudade...

Que haja sempre em ti,
sonhos por sonhar.

. intemporal . disse...

.

.

. no dia internacional da Mulher .

.

. deixo flores .

.

. muitas flores .

.

. todas as flores .

.

.

. e um terno e e.terno bem.haja .

.

. paulo .

.

.

Maria disse...

Amiga, Hoje é o dia de TODAS as mulheres, de TODAS as raças e religiões, mulheres que se esquecem tantas vezes de si em prol da família, mulheres que lutam por uma vida melhor, mulheres companheiras, amigas, colegas, mães, mulheres que sorriem quando a alma chora, mulheres que não desistem de alcançar os seus sonhos e que no fundo do seu coração apenas desejam encontrar o seu caminho na estrada da VIDA.
Desejo-lhe um DIA muito feliz.
beijinhos
Maria

Gaspar de Jesus disse...

Parabéns pelo Poema.
Maravilhosa Fotografia.
G.J.