terça-feira, 8 de março de 2016

ALMA DE MULHER




  Queria sentir-me mulher
P'ra atenuar minha dor
E não uma coisa qualquer
Que vive sem ter amor

Queria sentir-me rainha
Dum palácio de cetim
E forrar a alma minha
Com as rosas do teu jardim

Queria ser tua princesa
Do teu castelo dourado
Sem coroa nem realeza
E tu, meu príncipe encantado

Matar a saudade quando
Ela entrasse no sentir
Não ter a alma chorando
Em vez de a ter a sorrir

Poder voar como um gaio
No meio da Primavera
Ser uma rosa de Maio
No teu jardim de quimera

Queria sentir-te na calma
Da noite ou dum dia qualquer
Não ser uma mulher com alma
Mas ter alma de mulher.
 
 

35 comentários:

Elvira Carvalho disse...

Excelente poema amiga.
Saúdo a sua volta. Sente-se a sua falta.
Um abraço

Odete Ferreira disse...

"Não ser uma mulher com alma
Mas ter alma de mulher."
Parece contraditório, mas não no contexto do poema.
Um poema em que há o sofrimento por amor de uma mulher com alma; contudo, essa mulher saberá sobreviver, pois a sua essência é a de ultrapassar obstáculos.
Parabéns, amiga. BJO :)

Mona Lisa disse...

Voltaste com Chaves D'Ouro.

Magnífico poema!

Beijinhos.

Wonder Silver disse...

Toda a mulher possuiu o dom da excepcionalidade, da singularidade. Toda a mulher é única na sua essência, especial no seu conjunto e naturalmente bela.
E beleza de mulher é igual a aurora que todo o dia desperta o mundo em sussurro, e é que nem o ocaso que o embala de paz.
Beleza de mulher é sublime e orvalhada de raridade, é recheio de amor, de carinho num conjunto notável de formas, de curvas e contracurvas onde, com tinta vermelha de paixão, se escreve o conto da criação.
Beleza de mulher é arte, é poesia, são todas as notas da mais bela melodia, são encantos de mistério e loucura onde se guarda a origem da vida.
Beleza de mulher é igual à própria vida, inebriante de mistério, aventura, perigo e sedução.
Big bj querida seu cantinho continua encantador.... Me deleito com suas escritas querida...

Pedro Luso disse...

Olá,
Gostei do seu "Alma de Mulher", um belo poema.
Desejo a você um bom final de semana, com muita paz.
Abraços.

Lobomexicano Recuerdos disse...

bonitos versos, buena rima,,,saludos

MARILENE disse...

Há um belo jogo de palavras nos seus versos, que mostram a sensibilidade que a habita. Um sentir da alma de mulher. Bjs.

Jaime Portela disse...

E há tantas mulheres sem amor...
Um poema sofrido, mas com a beleza poética de sempre.
Gostei muito, apesar da melancolia das tuas palavras.
Bom fim de semana, querida amiga Rosa.
Beijo.

Existe Sempre Um Lugar disse...

Bom dia, Ontem, hoje e sempre será o dia da mulher, parabéns por ser mulher, sinta-se sempre mulher porque a diferença é marcante pela positiva.
AG

Rui Espírito Santo disse...

Quem escreve assim tem que ter "alma de mulher" !!! :)
Gostei muito !

:)

Maria Rodrigues disse...

Excelente regresso à blogosfera.
Maravilhosos versos.
Beijinhos
Maria

Andradarte disse...


Tem certamente Alma de Mulher....
Que belo poema para este dia....
Parabéns Rosa Mulher, ou Mulher Rosa,
por este dia.
Beijo

Evanir disse...

Minha Querida Amiga.
Estou emocionada em ver seu blog postado novamente
com tão belo poema.
Amiga gostaria de continuar a postar seus
poemas no meu blog.
Amiga ao publicar os comentários no meu blog ñ consegui entender
como o seu ñ foi salvo.
De sorte que conheço bem o caminho do seu blog.
Deus abençoe seu Domingo beijos.
Evanir..

Janita disse...

Minha Amiga.

Alma de Grande Mulher é a tua, que sempre soubeste enfrentar as vicissitudes da vida com um sorriso nos lábios.

Muito belo o poema e a imagem. Estou muito contente com o teu regresso, Rosa Branca!
Espero que estejas bem!

Beijinhos com muita amizade e carinho.

Francisco Manuel Carrajola Oliveira disse...

Lindo e belo poema.
Gostei bastante desta Alma de Mulher.
Um abraço e boa semana.

CÉU disse...

olá, rosa branca

quadras com lamento e talento a que já me habituou há uns anos.

estou semi parada, devido a cirurgia na minha mão dta. enfim, há k ter paciência.

agradeço a sua visita e comentário.

dia 21 deste mês, se lhe for possível e desejar, publique, pke se comemora o DIA MUNDIAL DA POESIA.

beijos e boa semana.

Braulio Pereira disse...

ola amiga

obrigado pela visita. estou com pakirson mas estou bem faço vida normal com um pouco de apatia mas sou positivo . estou feliz tenho de escrever claro que sim,

obrigado por dar-me poesia..tao bela.

beijos com carinho..

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Anónimo disse...

Olá menina, até que enfim publica qualquer coisa que se leia. Demorou mas foi. Um abraço

J.P.

Manuel Luis disse...

Sinta-se assim que é um bom estado. Uma boa entrada para a Primavera que se aproxima calma com alma de mulher.
Rosa de Maio no Ribatejo por onde gosto de passar.
Abraço com carinho.

manuela barroso disse...

Nunca as rosas se sentiram tão mimoseadas com tanta musicalidade poética . Que assim escreve só alma de grande mulher !
Bem-vinda. !
Beijinho

© Piedade Araújo Sol disse...

um poema necessário a um dia que não merece ser esquecido...

:)

Lúcia Bezerra de Paiva disse...

Com certeza, fez-me sentir mais mulher: belíssimo poema!

Brisa disse...

...e como é triste viver sem amor,mas estes versos os transformas-te em lindos versos de amor...Uma alma de mulher cheia de ternura!

Bjo

Acordar Sonhando . SOL da Esteva disse...

Magnífico Canto á Mulher. Saído assim, parece nostálgico ou menos alegre, mas (por mim) bem o entendo pelo fervor posto em cada verso.
Lindo, Amiga.


Beijo
Sol

O meu pensamento viaja disse...

Uma bela imagem de mulher.
Beijo

Rita Sperchi disse...

Seja sempre bem vinda minha amiga
saudade de vc vim agradecer sua visita
e que volte sempre, e como sempre um poema
lindíssimo elogios pelos belos versos
Um abraço com meu carinho de sempre
Rita

Ailime disse...

Boa noite Rosa Branca,
Magnifico poema escrito por uma enorme Alma de Mulher!
Adorei!
Obrigada pela sua visita.
Beijinhos,
Ailime

Agostinho disse...

Li e apreciei o poema, anseio em forma de quadra.
"Não uma coisa qualquer / ... / Mas ter alma de mulher".
Grato pela visita.

Duarte disse...

Versos que deleitam sabores de vida com tanto amor.
Só assim merece ser vivida, uma vida assim de intensa, amando.
Não esqueças, quero sentir-te por perto.
Abraços de vida, querida amiga

Crocheteando...momentos! disse...

Neste momento...este poema assenta_me que nem uma luva com tal nostalgia e força feminina!
Gostei...obrigada pela visita

ॐ Shirley ॐ disse...

Belos versos para falar
da sensibilidade da alma feminina.
Beijos, rosa branca!

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Sua alma é de uma grande mulher que escreve poemas belíssimos como este.
Obrigada por seu gentil comentários no nosso blog.
Beijocas*

Rafeiro Perfumado disse...

Para uma mulher se sentir rainha não é preciso vestir-se com cetim, basta ser respeitada e ouvida.

Rui Pires - Olhar d'Ouro disse...

Embora atrasado, gostei do poema e deixo o meu beijinho mais uma vez a todas as mulheres!
Bom fim de semana!