segunda-feira, 26 de julho de 2010

NAS ASAS DA MADRUGADA



Na penumbrada saudade
Escrevi o meu sentir
Colhi flores por abrir
E me encostei à quimera

Despertei na Primavera
Com leve brisa no rosto
Fui admirar o sol posto
Na esperança de te vêr

Vi meus sonhos a correr
As ilusões a voar
E fiz castelos no ar
Como nunca ousei fazer

Então esqueci o sofrer
A dor e a nostalgia
Naveguei na ousadia
E vi-te então chegar

Vinhas vestido pr'ámar
Trazias nos olhos doçura
E eu me vesti de ternura
Só para te receber

Com o meu sentir a arder
Fiquei louca, extasiada
Sem procurar, sem saber
Eu vi-te amor a nascer
Nas asas da madrugada.

34 comentários:

VALVESTA disse...

E tão belo o nascer do amor, a esperança que ele tras, os sonhos adormecidos acordam pra louvar, as almas dançam num ritmo do encanto, seja bem vindo o amor divino!
beijos e um semana amando.

Luís Coelho disse...

Um poema numa linguagem simples e muito bonita.

Trazias nos olhos doçura
E eu me vesti de ternura

É com muita doçura e simplicidade que nos devemos vestir para amar com o coração cheio de verdade.

Andradarte disse...

Poema cheio de Esperança....
Beijo

Sonhadora disse...

minha querida amiga
Lindo poema,cheio de sentimentos
Tinha saudades.

Beijinhos com carinho
Sonhadora

Nilson Barcelli disse...

Fizeste um belíssimo poema de amor.
Os teus versos são fluidos e com ritmo, quem sabe com a ajuda do coração...
Gostei imenso, querida amiga.
Beijos.

Sandrio cândido. disse...

no ritmo de uma lira amorosa

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga

Hoje estou passando para agradecer
a sua amizade.
Amizade que torna a vida preciosa.
Que enche de cores as minhas palavras.
Que me faz ainda mais feliz,
com o afeto distribuído
a cada visita,
a cada comentário
e a cada palavra escrita
no livro dos meus dias.

Sua amizade me faz melhor.

Amor feito Poesia disse...

... É um sonho esta vida, mas um sonho febril de um instante único. Quando dele se acorda, vê-se que tudo é só vaidade e névoa...

Gustavo Adolfo Becker.

Amo sua amizade.....Beijos & Flores! M@ria

Machado de Carlos disse...

Belíssimo poema! Uma luz que chega até nossa alma!
Parabéns!
Beijos!

Lídia Borges disse...

Lindo!

Da realidade ao sonho, num passo de magia.

Gostei da estrutura do poema, da rima e do ritmo.

Um beijo

♥.•:****-franciete-****:•.♥ disse...

Que grande sensibilidade
eu encontrei neste cantinho
pois terá sinceridade
o meu amor e carinho

Ó minha rosa da paz
que eu encontrei um dia
Deus te dê pela vida fora
muito amor e alegria

Rosa linda tão formosa
que dás amor e carinhos
Deus te faça toda a vida
a rosa mais colorida
junto dos teus rebentinhos

à minha querida rosa branca
com muita amizade
beijinhos de luz e paz

Daniel Costa disse...

Roseira

Belo e lindo o poema - NAS ASAS DA MADRUGADA, Confesso que o achei cheio de sensibilidade, na linha do que tinha visto anteriormente.
Abraços

Everson Russo disse...

Nas asas da madrugada a gente voa e se perde pelo infininto,,,sao sonhos,,,desejos cercados de amor,,e a tao sonhada paz...beijos de bom dia pra ti.

José disse...

Rosa Branca perfumada
que alegria em te ver
nas asas da madrugada
com o sol quase a nascer

À muito que não te via
de ti já tinha saudade
eu senti muita alegria
e meu canto mais perfumado

beijinho,
José.

Marcos Campos disse...

Oi!
Lindo poema!
Beijo!

Savi disse...

Olá Rosa branca perfumada
Com tanta poesia bonita acho que os cantores andam cegos!!!.... pois tem poemas que davam lindas canções,não sei como ainda não foi descoberta para ouvirmos seus poemas cantados por lindas vozes do mundo artistico.
Beijinhos continuação de uma óptima semana repleta de muito poesia.
Savi

Vanuza Pantaleão disse...

Rosa,querida, cheguei agora das compras...
Estava tão cansada, tão cansada, mas confesso que me reanimei nas asas da tua Poesia.
Aquela denúncia que fiz me abalou demais, pois é tanta monstruosidade que assistimos...
Deixa pra lá!
Continue assim, amiga, nos trazendo teu carinho e perfume!
Beijos e carinho

Alvaro Oliveira disse...

Amiga Rosa Branca

O meu agradecimento pela visita e comentário.
Tenho estado um pouco ausente, pelo facto de não me sentir totalmente recuperado da visão, porquanto ainda tenho de ser operado à vista esquerda. Não posso permanecer muito tempo no PC. No entanto não esqueci a minha amiga.

Adorei este lindissimo e muito sentido poema de amor.

Beijos

Alvaro

Everson Russo disse...

Beijo carinhoso de bom dia pra ti amiga.

Fernando Santos (Chana) disse...

Belo poema...Espectacular....
Cumprimentos

Laura disse...

Amar é belo e arrasta-nos para a poesia em palavras,tentando descrever a ternura do sentir...
Muitos beijinhos da laura

A.S. disse...

Querida...

Andamos em sintonia! Acabei de postar falando tb na madrugada!:))

BeijOOO
AL

Mona Lisa disse...

Olá

O sonho e magia do amor.

Adorei o poema. É de uma beleza suave!

Bjs.

Amor feito Poesia disse...

Se é triste sentir saudade,
muita saudade de alguém,
maior infelicidade
é não tê-la de ninguém.

(Yde Schloenbach Blumenschein)

Beijos e abraços.....Feliz Noite!

*Bela Poeta disse...

Que lindo poema! Quão bom é acordar após ter um lindo sonho de amor como este.
Andava meio sumida mas não me esqueço deste blog não, viu?
Visite-me sempre que quiser!
Bjs,
*Bela

Maria Valadas disse...

Belo sentir esta cascata de versos que me chegaram nas asas da tua madrugada.

Excelente fluir, minha amiga Rosa.

Bom fim de semana.

Beijos.

Maria

ONG ALERTA disse...

Todos viemos aprender a dar e receber o amor...paz.
Beijo Lisette.

Maria disse...

Lindissimo poema, nas asas da madrugada o céu é o limite.
"Poesia é quando uma emoção encontra seu pensamento e o pensamento encontra palavras." (Robert Frost)
Bom fim de semana
bjs do tamanho do infinito
Maria

Braulio Pereira disse...

tinha saudades tuas

madrugadas de Amor

divina poeta lindo poema


beijos meus!!!!

Natural.Origin disse...

Muito lindo aqui:)

Fabrício Santiago disse...

Olá, desculpe invadir seu espaço assim sem avisar. Meu nome é Fabrício e cheguei até vc através do Blog Vozes da Minha Alma. Bom, tanta ousadia minha é para convidar vc pra seguir meu blog Narroterapia. Sabe como é, né? Quem escreve precisa de outro alguém do outro lado. Além disso, sinceramente gostei do seu comentário e do comentário de outras pessoas. Estou me aprimorando, e com os comentários sinceros posso me nortear melhor. Divulgar não é tb nenhuma heresia, haja vista que no meio literário isso faz diferença na distribuição de um livro. Muitos autores divulgam seu trabalho até na televisão. Escrever é possível, divulgar é preciso! (rs) Dei uma linda no seu texto, vou continuar passando por aqui...rs



Narroterapia:

Uma terapia pra quem gosta de escrever. Assim é a narroterapia. São narrativas de fatos e sentimentos. Palavras sem nome, tímidas, nunca saíram de dentro, sempre morreram na garganta. Palavras com almas de puta que pelo menos enrubescem como as prostitutas de Doistoéviski, certamente um alívio para o pensamento, o mais arisco dos animais.


Espero que vc aceite meu convite e siga meu blog, será um prazer ver seu rosto ali.


Abraços

http://narroterapia.blogspot.com/

Sonia Schmorantz disse...

lindo poema!
beijos menina, uma semana iluminada para ti

Vozes de Minha Alma disse...

E a madrugada simboliza o renascer para um novo amar.
O poema é lindo, e perfumado como a Rosa.
Um abraço minha amiga, beijos.

▒▓█► JOTA ENE disse...

Gostei do gift do teu layout

Bom f-d-s